segunda-feira, 29 de novembro de 2010

NASA - Houston


Como eu já sabia que a NASA está localizada em Houston, queria conhecer. O problema é que a previsão era de chuva, mas mesmo assim arriscamos e acabou que nem choveu.
É que na NASA, tem uma parte que é externa, então se chover, o passeio de trem com paradas vai literalmente por água abaixo.
Foi muito legal o passeio, conheci o foguete que realmente foi a Lua, o Saturn V usado nas missões Apollo e Skylab. Nossa, a parte inferior tem muitos parafusos e caninhos. Como é que pode alguém ter pensado em tudo aquilo. A base é muito grande e tudo isso é para armazenar combustível. Haja Combustível!


Saturn V que é dividida em três estágios





Um dos estágios da Saturn V


Tem uma parte explicativa de como o homem vive na Lua, tomar banho, escovar os dentes. Contaram que todos devem fazer duas horas exercícios físicos todos os dias para não atrofiar os músculos. Eles escovam os dentes através de um canudo e nem pense em escovar os dentes ou comer com a boca aberta, senão espalha tudo.
Falando em comida, o trem passou perto do restaurante em que são preparadas as comidas, agora eles comem comida normal, nada daquelas melecas em que ouvíamos falar.


O último estágio da Saturn V


Estive pensando: Como definir a NASA, além de ser a Administração Nacional do Espaço e da Aeronáutica? Não posso dizer que fui ao museu porque tudo ali é real, é muito interessante e é uma aula.
Você para, olha tudo aquilo e se pergunta: Como alguém acredita que o homem não foi à Lua?


Sala de controle da NASA em Houston

 

 

Carro utilizado para explorar a Lua

 

 

Pois é, o mais engraçado é que tem um astronauta que foi à Lua, mas não pisou nela. O astronauta Michael Collins teve que ficar no controle espacial e não pisou na Lua. O primeiro a pisar na Lua foi Neil Armstrong na missão da Apollo 11 em julho de 1969.


As cabines são muuuito pequenas e todo aquele foguete que a gente vê é só para o combustível mesmo. Muitos astronautas vão somente para ficar no controle.
Mas se o problema é pisar na Lua, não tem mais problema. Na NASA tem um local em que você pode tocar na Lua. É um pequeno quadrado que você pode tocar. A sensação? A Lua é dura...hahaha


Tocando um pedaço da Lua


Fui também a um galpão em que fazem os treinamentos e descobri algo curioso. Lá tem uma espécie de uns “carrinhos”. Esses “carrinhos” estavam programados para ir a Lua em 2020, mas por conta da crise, só vão em 2030. Essa ida seria a Marte usando a Lua como apoio. Como? Esperar até 2030.
Por conta da crise precisaram cortar um pouco da verba e como o Estado do Texas é republicano e o Obama é democrático... Entenderam, né?


Sala de treinamento do foguete em tamanho real


O equipamento que será usado na exploração de Marte, prevista para 2030


Outro ponto interessante é que um mês atrás eu dormi na casa da Judy e assistimos a um filme sobre um garoto que desenvolveu um combustível líquido de foguete e na linha cronológica da NASA, lá estava ele, o Dr. Robert H. Goddard. Ele é creditado como pioneiro na criação e construção do primeiro combustível líquido de foguete, que ele lançou com sucesso em 16 de março, 1926.


Cronologia da corrida espacial


Goddard e sua equipe lançaram 34 foguetes entre 1926 e 1941, atingindo altitudes de até 2,6 km (1,62 milhas) e velocidades de até 885 quilômetros por hora (5550 mph).


Robert H. Goddard


O filme October Sky (O céu de Outubro) conta a trajetória de Goddard e seus amigos enfrentando seus pais e toda a cidade que não acreditavam na capacidade dos meninos.
Abaixo está o trailer do filme. 


video


Além do passeio, agora sou membro da NASA também. Tirei uma carteirinha lá que me dá o direito de visitar quando quiser. Mas acho que não volto a Houston tão cedo. Mas a passagem por lá foi boa.
A passagem por Houston terminou com um farto almoço com picanha e muita troca de figurinhas. A Lidya recentemente foi a Europa e me mostrou umas fotos de Veneza, Florença, Paris, New York, Grécia e Amsterdam. Teve muita história pra contar.

Nem a Snowy resiste a uma picanha

Eles foram a New York às vésperas de Natal e disseram que é a cidade mais bonita que já viram com as decorações, ganhando até mesmo de Londres que tem a tradição natalina. Fica a dica para quem está a fim de vir à New York.


Depois da viagem a Houston, teve o feriado, o famoso e super comemorado Thanksgiving.











Um comentário:

Alex Olobardi disse...

Nossa!!! Espaço, NASA e churrasco!!! Nham nham nham!!!! saudades de você, Maricota!!!